CLEXANE 40MG INJETÁVEL 1 SERINGA

CLEXANE 40MG INJETÁVEL 1 SERINGA - Sanofi-Aventis

Seja o primeiro a avaliar este produto


Marca CLEXANE
Laboratório Sanofi-Aventis
Tipo de Linha Referência
Princípio Ativo ENOXAPARINA SODICA
Indicação TROMBOSE VENOSA
Descrição

Detalhes

Clexane - Indicações

Clexane® (enoxaparina sódica) é indicado no tratamento da trombose (oclusão por trombo) de veias profundas já estabelecida com ou sem embolia pulmonar (oclusão de algum vaso no pulmão por trombo que migrou de outra veia); prevenção de tromboses venosas associadas à cirurgia ortopédica ou à cirurgia geral; prevenção de tromboses venosas em pacientes acamados, devido a doenças agudas, incluindo insuficiência cardíaca, insuficiência respiratória, infecções graves e doenças reumáticas; prevenção da coagulação do circuito de circulação extracorpórea durante a hemodiálise; tratamento da angina instável (dor no peito causada pela diminuição do suprimento de oxigênio no coração) e do infarto agudo do miocárdio sem onda Q (tipo de infarto), quando administrado concomitantemente ao ácido acetilsalicílico.

Este medicamento diminui o risco de desenvolvimento de tromboses de veias profundas e sua consequência mais grave, a embolia pulmonar. Previne e trata estas duas condições, evitando sua progressão ou recorrência, além de tratar angina instável e infarto agudo do miocárdio sem onda Q.

Clexane também evita a coagulação do sangue no circuito de hemodiálise.

 

 

Contra-indicações de Clexane

- Hipersensibilidade à enoxaparina sódica, à heparina e seus derivados, inclusive outras heparinas de baixo peso molecular;
- Hemorragias ativas de grande porte e condições com alto risco de desenvolvimento de hemorragia incontrolável, incluindo acidente vascular cerebral hemorrágico recente.

Opiniões

Escreva seu comentário

Como você avalia este produto? *

 
1 1 estrela
2 2 star
3 3 star
4 4 star
5 5 star
Preço
Prazo de Entrega
Qualidade
As informações contidas neste website são de caráter exclusivamente informacional, não propõe a automedicação ou substituem orientações médicas. A automedicação traz riscos a saúde que podem ser irreversíveis. Consulte sempre seu médico para prescrição de um tratamento adequado.